jump to navigation

IRS discrimina gays April 17, 2005

Posted by igualdadenocasamento in Portugal.
trackback

EUA: Quatro declarações em vez de duas

Entregar uma declaração fiscal é sempre cansativo e desagradável, mas para os homossexuais americanos que contraíram casamento em Massachusetts no último ano, é ainda mais desagradável.

É que os parceiros do mesmo sexo que aproveitaram a liberalidade do primeiro estado americano a permitir casamentos entre pessoas do mesmo sexo deparam-se agora com a discriminação do governo federal, em Washington.

A primeira dificuldade é que os casais ‘gay’ têm de entregar quatro declarações em vez de duas, uma vez que preenchem uma declaração conjunta no Massachussetts, mas têm de preencher duas separadas para os serviços federais e ainda uma outra, também conjunta, para os mesmos serviços, para ser comparada com os dados estaduais. Rob Compton e David Wilson, dois dos activistas que deram origem ao processo legal que acabaria por abrir caminho aos casamentos entre homossexuais naquele estado, sublinham que, além da papelada extra, têm ainda receio de que o preconceito dos serviços fiscais os force a ser submetidos a uma auditoria e a penalizações indevidas.

Saliente-se que, ao contrário do que acontece nos EUA, o sistema fiscal português não discrimina as uniões de facto entre pessoas do mesmo sexo.

Publicado no Correio da Manhã.

Advertisements

Comments»

No comments yet — be the first.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: