jump to navigation

Homossexuais já podem casar July 1, 2005

Posted by igualdadenocasamento in Portugal.
trackback

Alegria nas galerias O primeiro-ministro espanhol, Rodríguez Zapatero, disse que a lei que permite o casamento entre pessoas do mesmo sexo – ontem aprovada no Parlamento – permite construir “um país mais decente, porque uma sociedade decente é aquela que não humilha os seus membros”.

A lei foi ontem aprovada pelo Parlamento espanhol, desafiando a forte oposição da Igreja Católica e completando a reforma social do governo socialista. Com esta votação, em que 187 deputados foram a favor da lei e 147 contra, a Espanha torna-se no terceiro país europeu e quarto no mundo a legalizar o casamento entre pessoas do mesmo sexo, depois da Holanda, Bélgica e Canadá. A lei concede, também, aos homossexuais todos os direitos que decorrem do casamento, entre os quais o de adoptar crianças, receber pensões, administrar heranças, requerer empréstimos ou autorizar intervenções cirúrgicas.

Frontalmente contra estão a Igreja Católica e várias associações defensoras da família tradicional, que consideram esta lei um atentado contra a instituição do matrimónio e reiteraram, ontem, a intenção de pedirem ao Partido Popular, que votou contra, que apresente um recurso por inconstitucionalidade. Com o apoio do Vaticano, a hierarquia católica espanhola qualificou esta lei de “um retrocesso no caminho da civilização” e pediu aos funcionários das câmaras e registos civis que invoquem objecção de consciência para não celebrar as uniões.

Segundo a sondagem mais recente do Centro de Investigações Sociológicas, mais de metade (56,9%) dos espanhóis aprova os casamentos homossexuais, mas em relação à adopção de crianças por estes casais a percentagem dos que aprovam desce para 42,4%. A lei deverá entrar em vigor ainda este mês.

Entretanto, a associação portuguesa de defesa dos direitos dos homossexuais, Ilga, exortou o Governo português a aprovar uma lei que permita casamentos entre pessoas do mesmo sexo, congratulando-se com a decisão do congresso espanhol nesse sentido.

Publicado no Jornal de Notícias.

Advertisements

Comments»

No comments yet — be the first.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: