jump to navigation

África do Sul legaliza casamentos homossexuais November 14, 2006

Posted by igualdadenocasamento in África do Sul.
trackback

A adopção da nova lei foi já considerada um passo histórico pelas associações de defesa dos direitos dos homossexuais

O Parlamento sul-africano aprovou hoje uma lei que autoriza os casamentos homossexuais, tornando-se no primeiro país do continente africano a legalizar a união entre duas pessoas do mesmo sexo.

A lei foi aprovada com 230 votos, 41 contra e três abstenções, após um debate aceso e polémico sobre a legislação relativa à união civil.

A nova legislação, que autoriza a oficialização das uniões entre pessoas do mesmo sexo pelo casamento ou pela união civil, foi contestada pelas organizações religiosas, conservadores e tradicionalistas.

Apesar da contestação, o Governo sul-africano considera que a nova legislação faz parte do seu compromisso de combater toda a forma de discriminação contra os homossexuais em matéria de matrimónio. “Rompendo com o nosso passado, necessitamos de lutar e resistir a todas as formas de discriminação e preconceitos, incluindo a homofobia”, afirmou a ministra do Interior sul-africana, Nosiviwe Mapisa-Nqakula, antes da votação da lei.

A adopção da nova lei já foi saudada pelas associações de defesa dos direitos dos homossexuais, como a Joint Working Group, uma coligação nacional formada por 17 grupos de lésbicas, homossexuais e bissexuais.

“A lei simboliza a rejeição das tentativas de classificar as lésbicas e homossexuais como cidadãos de segunda categoria”, defendeu, em comunicado, Kikile Vilakazi, porta-voz da Joint Working Group. Para a coligação, a decisão de hoje “é uma demonstração de empenho dos parlamentares em garantir que todos os seres humanos são tratados com dignidade”.

A alteração legislativa começou a ganhar forma depois de o Tribunal Constitucional do país ter considerado inconstitucional a anterior lei do casamento, baseada na “união entre um homem e uma mulher”, por ser contrária ao preceito constitucional que garante os mesmos direitos para todos os cidadãos.

A África do Sul é o sexto país a autorizar casamentos homossexuais, depois de Reino Unido, Holanda, Bélgica, Espanha e Canadá.

Público 

Advertisements

Comments

1. Anonymous - June 24, 2007

penis enlargement device

natural penis enlargement penis enlargement device penis enlargement product


Sorry comments are closed for this entry

%d bloggers like this: